Hora de viajar, também é hora de aprender
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Se tem um tempo em que as crianças mais aguardam chegar é sem dúvida as férias. E quando é possível combiná-las com uma viagem, a animação ganha maiores proporções. Apesar de ser um período em que é permitido não fazer nada, férias e viagens também são momentos para aprendizado, sem grandes cobranças, mas importantes para a formação pessoal.

Depois de escolher um destino para viajar com as crianças é bom se preparar para as horas da viagem, principalmente se for longa. Escolher programas que além de diversão, ofereçam a chance de conhecer mais sobre o novo lugar, de aprender sobre diversos assuntos, sem para isso ter que sentar e estudar, até porque são férias.

Durante a viagem, é bom abastecer a bolsa com livrinhos, jogos e filmes. Na maioria, carregados em um notebook ou objetos eletrônicos. Desde que suportem algumas horas para manter os pequenos ocupados e afastar o cansaço de longas horas, seja de carro, ônibus ou avião. Deixá-los confortáveis também é recomendado, como roupas e calçados leves.

Já durante os dias da viagem, muitos passeios podem ser pensados para as crianças. Visitas a zoológicos, parques, museus e exibições, tudo pode resultar em ótimas experiências e aprendizado fora da sala de aula. Assuntos como características de clima, vegetação, história, literatura, porém de forma natural, incluindo a criança nesses contextos.

Até a oportunidade de provar novas comidas e frutas típicas do local é uma forma de enxergar mais de perto uma nova cultura, diferentes regiões de um país, por exemplo. E, apesar das pizzas, sorvetes e chocolates serem os lanches preferidos ainda mais durante as férias, com um pouco de dedicação, é possível dividir o tempo entre essas refeições e oferecer um alimentação mais saudável para as crianças, até porque há mais tempo neste período e, se alimentar bem, faz parte da educação e saúde das crianças.

Vivenciar costumes locais é também uma nova visão que se abre na infância. Geralmente as viagens neste período deixam marcas para o resto da vida e fazem parte das lembranças  de muitas pessoas, e que usualmente querem, com seus próprios filhos, vivenciar novamente quando adultos. Ou fazem parte das várias estórias compartilhadas entre família e frequentemente com muitas fotos para mostrar.

Outra decisão positiva é quando, tendo possibilidade, os pais tiram férias no mesmo período que os filhos, e podem assim, usufruir de mais tempo juntos, e neste caso, mesmo que o orçamento da família não permita uma viagem, o tempo gasto e dedicado em comum, torna-se mais rico e proveitoso para ambos os lados.

O que você costuma fazer nas férias com seu filho(a)?


 Colaboração de Roberta Clarissa Leite

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Sobre mim

Olá eu sou a Professora Greice Amorim, formada em pedagogia com especialização em psicopedagoga.
Sou professora de Ed. Infantil e Fundamental I a mais de 20 anos. Aqui você encontrará sugestões, ideias e atividades para trabalhar de forma lúdica e criativa. Também tenho um canal no YouTube com o mesmo nome do blog, com muitos vídeos para professores, pais e alunos.

Categorias